Horta coletiva instalada em condomínio é case de workshop voltado para síndicos

O evento virou exemplo de sucesso em todo o estado e começa a ser conhecidos por cidades de estados vizinhos.

Muita gente que mora em apartamento sente falta de ter um quintal para colher verduras e temperos fresquinhos. No condomínio Artemis, no bairro Água Verde, esse problema foi solucionado. A partir da ideia de um dos moradores, uma horta coletiva foi instalada no prédio. Para mostrar que isso é possível em qualquer edifício, o case foi apresentado durante o workshop Síndicos Planning. O evento ocorreu em abril no Instituto Gene.

Carlos Caresia, morador que sugeriu a instalação da horta no Artemis, diz que hoje o lugar é um ponto de encontro dos moradores. Ele ressalta que o investimento para montar o espaço foi baixo, feito com materiais de fácil acesso e remoção. “É uma oportunidade bacana de colher nossos próprios alimentos. O legal é que desde que a mobilização iniciou até agora, o grupo de pessoas que ajudam a cuidar da horta já dobrou”, comenta.

Horticultor urbano, técnico ambiental e permacultor, Gilberto Raulino explica que é possível montar uma horta em qualquer espaço. “Ela pode ser feita, inclusive, no próprio jardim. Hoje lidamos com vários tipos de plantas comestíveis, o que precisa é quebrar paradigmas quanto aos modelos tradicionais”, avalia Raulino.

O workshop Síndicos Planning foi uma iniciativa da Inspiracom Marketing e Comunicação e contou com o Patrocínio da Corrêa Materiais Elétricos, Altiva Brasil, Licent Prime, LP Elevadores, Simblu, Técnica Engenharia e o Apoio da ACIB, CREA-SC, Instituto GENE, Jornal dos Condomínios, SAMAE, SECOVI Blumenau, Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Inovação e Empreendedorismo de Blumenau, Rádio Nereu, 90FM e Revista Área.

Sobre o workshop

O Workshop Síndicos Planning foi um evento itinerante que irá percorrer as principais cidades do estado com maior relevância para o segmento. Além de Blumenau, Criciúma, Balneário Camboriú, Grande Florianópolis e Joinville também receberão as palestras, sempre com temas voltados para cada região.

0 respostas

Deixe uma resposta

Quer entrar na discussão?
Sinta-se livre para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.