Estratégia agiliza tomada de decisões dos coordenadores da CCEEAGRI

Considerada “direta e objetiva” pelos participantes, a reunião nacional e virtual das Coordenadorias regionais de Câmaras Especializadas de Engenharia de Agrimensura (CCEEAGRI) foi realizada na manhã desta quinta-feira (17).

Coordenados por Lucas Barbosa Cavalcante, os trabalhos incluíram a aprovação final das propostas debatidas e elaboradas previamente, o que agilizou a tomada de decisão dos coordenadores.

“Pretendemos continuar debatendo os temas antes das reuniões, a fim de que apenas um ou outro aspecto seja incorporado ao texto final das propostas apresentadas”, disse Lucas, para quem a estratégia tornou o encontro também “proveitoso”.

Ao participar da abertura da 2ª reunião das Câmaras Especializadas de Engenharia de Agrimensura, o eng. civ. Osmar Barros Júnior, presidente do Confea no exercício do cargo, destacou “a importância” de um dos temas da pauta debatida: a validação de cursos.

Ele aproveitou e citou o acordo de cooperação técnica que está sendo construído com o Ministério da Educação (MEC), “estreitando, assim, a relação entre os dois órgãos e aumentando a participação do Sistema Confea/Crea em debates sobre temas relativos ao ensino das áreas que reúne”.

Entre os temas tratados pelos coordenadores regionais, o credenciamento e recredenciamento de instituições de ensino superior e de autorização, renovação e reconhecimento de cursos de Engenharia com base nas novas Diretrizes Curriculares Nacionais (DCNs) – vigentes desde abril de 2019.

Utilizando como ferramenta o e-MEC, sistema eletrônico de acompanhamento dos processos que regulam a educação superior no Brasil, os 19 participantes decidiram que um levantamento que radiografe esse universo poderá ser feito em 2021, quando os cursos criados a partir do ano passado estarão mais bem estruturados, e em 2022, quando termina o prazo de adaptação dos cursos existentes anteriores às novas DCNs.

Proteção à vida

 

Outro tema tratado foi a Decisão PL 0045/2020, do Confea, que determina aos Creas fiscalizar 100% dos hospitais até 31 de dezembro próximo.  Em função de a agrimensura não ter relação com esse tipo fiscalização, Lucas sugeriu e os coordenadores aprovaram a elaboração de uma proposta de monitoramento e fiscalização no âmbito da modalidade para proteger a vida. O texto deve ser aprovado na próxima reunião da CCEEAGRI, marcada para o mês de novembro.

A nova logomarca da coordenadoria foi apresentada por Fabyola Resende, eng. eletric., gerente de Relacionamentos Institucionais do Confea. Com ajustes de cor e fonte utilizadas, a logomarca deverá ser apresentada aos coordenadores para aprovação final, ainda esta semana.

Maria Helena de Carvalho
Equipe de Comunicação do Confea