Seminário debate desafios e oportunidades para o setor de energias alternativas

A Associação Catarinense de Engenheiros (ACE) promove de 25 a 27 de junho, em Florianópolis, o Seminário Nacional de Gestão e Oportunidades no Desenvolvimento de Fontes de Energias Alternativas. O evento tem como objetivo reunir profissionais para discutir a gestão, os desafios e as oportunidades para o setor. Com apoio do Confea e também do CREA-SC, por meio do Acordo de Cooperação Técnica, o seminário promove a qualificação dos profissionais vinculados ao Sistema CONFEA/CREA/MÚTUA.

O primeiro dia de palestras debateu a visão do setor elétrico sobre o contexto atual na geração de energias renováveis; as políticas de desenvolvimento do Sistema Confea/Crea na área de energias renováveis; e o Programa de Agroenergia da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA), com a interação entre água, energia e alimento; além do contexto de utilização de energias alternativas na indústria catarinense.

 

A legislação  também esteve em pauta com a apresentação de um histórico da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), a Resolução Normativa 482/2012, que estabelece as condições para acesso a microgeração e minigeração distribuída, e as mudanças estabelecidas pela nova Resolução Normativa 687/2015.

A Energia Solar Fotovoltaica foi um dos temas pontuais. Palestrantes, empresas, concessionárias e órgãos governamentais traçaram o panorama de oportunidades e desafios para o setor em Santa Catarina. A concessionária Celesc apresentou sua visão sobre os procedimentos de acesso para micro e minigeração fotovoltaica e o Governo de Santa Catarina explanou sobre o programa catarinense de energias limpas e as perspectivas para o setor de geração de energia.

 

As linhas de financiamento para energia fotovoltaica voltada aos consumidores residenciais e comerciais também despertou interesse do público. A palestra esclareceu ainda sobre as formas de crédito solar para produtores rurais e a viabilidade econômica dos projetos.

Entre autoridades da mesa de abertura estavam o presidente da ACE, Eng. Carlos Koyti Nakazima; o superintendente do CREA-SC, Eng. Civil Laércio Domingos Tabalipa, representando o presidente Eng. Agr. Ari Geraldo Neumann; o professor da UFSC, Eng. Civil Roberto de Oliveira; o diretor do SENGE, Eng. Eletric.  José Antônio Latrônico Filho; e o diretor de distribuição da CELESC, Eng. Vitor Lopes Guimarães.

0 respostas

Deixe uma resposta

Quer entrar na discussão?
Sinta-se livre para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.