Engenheira Roberta Maas dos Anjos é escolhida para presidir a CASAN

O futuro governador de Santa Catarina, Carlos Moisés da Silva, anunciou nesta quarta-feira (20), a Eng. Sanit. Amb. e Civil Roberta Maas dos Anjos como a nova presidente da CASAN. Roberta será a primeira mulher a dirigir a companhia em 47 anos de história.

Segundo o governador eleito, um dos desafios da nova diretoria será ampliar a rede de coleta e tratamento de esgoto, estender o atendimento de água a regiões que hoje ainda sofrem alguma carência, especialmente no Verão, e “tornar a CASAN mais acessível por meio de tecnologia”.

Além de conselheira da Câmara Especializada de Engenharia Civil do CREA-SC, a engenheira compõe a diretoria do Conselho, ocupando o cargo de vice-presidente. Preside também a Associação Brasileira de Engenheiros Civis, Departamento SC (ABENC).

Roberta graduou-se em 2003 como Engenheira Sanitária e Ambiental pela Universidade Federal de Santa Catarina e, em 2010, em Engenharia Civil pela Universidade do Sul de Santa Catarina. Antes, já tinha concluído o Curso Técnico em Saneamento pela Escola Técnica Federal de Santa Catarina (1997), além de Habilitação Profissional Plena para o Magistério do Ensino de 1ª a 4ª Série, conferida em 1996 pelo Colégio Coração de Jesus.

Atualmente, é a chefe da Divisão de Convênios Internacionais da Companhia, onde atua como gestora do Programa de Saneamento Ambiental do Estado de Santa Catarina, operação de crédito obtido junto à agência japonesa JICA para financiamento de Sistemas de Esgotamento Sanitário no Litoral.

Em abril de 2009, concluiu o Mastère Spécialisé em Gestão da Inovação pela Ècole Nationale Supérieure des Mines de Saint-Etienne (França) / Especialização em Gestão da Inovação pela Universidade Federal de Santa Catarina e, em 2012, especializou-se em Engenharia de Avaliações e Perícias pelo Instituto Catarinense de Engenharia de Avaliações e Perícias (IBAPE) e pela UFSC.

Roberta vai substituir o presidente Adriano Zanotto, que assumiu a liderança da empresa em 6 de abril de 2018.